1 de abr de 2008

Pré-conceitos (s)… IV

Deflagradores da essência humana
Movem-se,
Neste Mundo de Pó e Miséria.

Insultos degenerativos,
Atentados hiperbólicos
A todas as formas de inteligência;

Traços da pobreza mental
Dos que olham,
Mas não vêm;

Pedaços do ruído deformado
Dos que ouvem,
Mas não escutam;

Fios da cegueira opaca,
Dos que caminham
Em linha recta;

Manifestações da podridão
Do Mundo
Que não se apressa;

Degenerações contaminadas,
Que o Universo
Mobilizam;

Calcanhar (es) de Aquiles
De todas as revoluções,
Cegamente amputadas

Pelas ideologias unilaterais,
Que as divergências
Proíbem;

Amantes da hipocrisia,
Da falsa moral,
Do aparente puritanismo;

Parceiros da demagogia,
Camuflada,
Dos homens do Poder;

Pares da propaganda
Enganosa,
Dos falsos revolucionários,

Que a Humanidade
Encantam
E não enobrecem.

Isabel Rosete
07/03/08
02/04/08

Nenhum comentário: