6 de ago de 2008

REMINISCÊNCIAS

Reminiscências da minha infância
(há alguns anos)

Horário político;
Promessas, promessas, promessas;
Belos discursos;
Boca-de-urna;
Contra:
a massa de analfabetos e não-politizados
O voto certo para a melhor campanha
ou maior repercussão

A eleição óbvia


Reminiscências da semana eleitoral
(há alguns dias)

Horário político;
Promessas, promessas, promessas;
Belos discursos;
Boca-de-urna;
Contra:
a massa de analfabetos e não-politizados
O voto certo para a melhor campanha
ou maior repercussão

A eleição óbvia

Mas, agora com um agravante:
a minha obrigação de voto.

Lamento ter crescido num país sem memória (como num livro)
onde seus personagens cada qual com seu papel reconstituem sempre a mesma história.

Lidiane Santana

Nenhum comentário: