22 de set de 2009

Castelos

A opinião alheia
São castelos de areia
Construídos no deserto.
Quando tudo está decadente
Nasce a esperança
Expressa no verso
De mover montanhas
Para construir o castelo
Cujos soldados não terão armas para combater
Pois não haverá derramamento de sangue
Por causas tão fúteis
Quando descobrirem
Que quem está a seu lado
Pode tornar-se seu amigo e aliado
E quando estiveres desesperado
Terá o acalanto das belas mulheres
Que servirão a todas as suas vontades
Alimentando o sonho
Fomentizando pesadelos
Cujo tempero
Será a própria felicidade.



Rafael de Paula.

Nenhum comentário: