15 de fev de 2008

TO BE

Eu não tenho que gostar de samba
Só porque sou negro.

Eu não tenho de gostar de bola,
Porque sou brasileiro.

Porque eu nasci
Onde minha mãe me pariu.

Eu sou da onde estou,
Eu sou quem eu sou,
Não me interessa
Como você me definiu.

Eu não tenho signo,
Eu não tenho numero.

Eu sou da cor da minha pele,
Eu sou da minha cor
Nem mais claro
Nem mais escuro.

Sem estereótipos
Sem títulos
Sem rótulos.

Nada além
Nem aquém
Apenas isso
Apenas eu.

Nenhum comentário: