16 de mai de 2008

NA MULTIDÃO, UM VULTO

Na multidão, um vulto...
dentre todos
um apenas...

Conserva-se um
em meio a tudo...

E torna-se tudo
em meio ao nada...

Na multidão, um vulto...
Um sorriso,
Uma palavra
e nada mais

Nenhum comentário: