29 de ago de 2008

Honra e glória.

Faço da belas frases meu gesto concreto de afeto
sem temer apocalipse ou qualquer interpérie
e tudo passa como uma suave brisa
que refresca os dias calmos
em que os deuses estão de bom humor
oferecendo o melhor aos pobres mortais
que sempre desejam algo mais
da nossa vida fugaz
exigindo temperança e sabedoria
para discernir a noite do dia
da verdade da mentira
crente de que a vida não é um jogo de azar
em que uns perdem e outros ganham
desmentindo a ótica mercantilista
de que vencedor é aquele que tem dinheiro e fama
esquecendo de que nas pequenas coisas
também se encontra a honra e a glória.


Rafael de Paula.

Nenhum comentário: