30 de out de 2010

Rua Xadrez - cep: todos

Procurei no guia a Rua Xadrez...
folhei, folhei, folhei
e na página ‘era uma vez’
lá está ela, achei!

Uma grande parte dela
fica no subúrbio, favela
e um tantíco assim
faz parte do Jardim.

Em ambas as partes, muitos peões
vão e vem sem se dar conta
mas rei e rainha usam aviões
para ir na esquina da ponta.

Há quarteirões brancos e pretos
torres altas para bispos
morros altos para guetos
e por todos bairros cavalos mistos.

Essa rua é mesmo fogo
acontece tudo e... Nada!
Também a vida é um jogo
melhor eu ficar na calçada...

Osvaldo Heinze

2 comentários:

Edson Bueno de Camargo disse...

Muito bom este poema, dá para sentir o movimento das peças.

Giovani Iemini disse...

curioso.