24 de mai de 2008

Corações partidos

Separados
corações partidos
entes queridos
partiram sem dizer adeus.

O que dizer da saudade
que invade minha alma?

Procuro vestígios
que sacie minha sede
de dormir na rede
bebendo água de coco
embalado num namoro
que me faça rir de novo
recuperando o tempo perdido
em que estive por aí
sem saber o caminho a seguir.



Rafael de Paula.

Nenhum comentário: